Crie seu próprio Site Grátis! Templates em HTML5 e Flash, Galerias em 2D e 3D, Widgets, Publicação do Site e muito mais!
Trabalho de Económia
Trabalho de Económia

TEMA:Analise do Crescimento Económico e Questões do PIB e PNB

 

 

 

 

Índice

 

 Introdução               

Analise Gráfica do Crescimento Económico e da Distribuição da Renda Nacional………….2

Qual foi o ano m que a economia registou o maior crescimento económico?..........................3

Qual foi o ano em que a economia registou o pior crescimento económico?...........................5

Qual foi o ano que a economia registou maior PNB, Porque?...............................................6

Qual foi o ano em que tivemos o pior PNB e porque?..........................................................8

 

Conclusão………………………………………………………..........…………….........9

 

Bibliografia………………………………………………………………………………10

 

DEDICATÓRIA

 

 

Dedicamos esse trabalho as nossas famílias, que muito fazem para continuarmos os nossos estudos. O nosso muito obrigado.

 

 

 AGRADECIMENTOS

 

 

Primeiramente quero agradecer a Deus, ao professor por ter nos dado essa oportunidade de podermos investigar este tema, agradecer aos amigos que se dedicaram na elaboração desse trabalho.

 

Bem-haja a todos.

 

 

Introdução

 

 

O presente trabalho tem como base introdutória explicar a diferença entre o PIB (produto Interno Bruto) e o PNB (Produto Nacional Bruto), mostrar como eles crescem para o desenvolvimento de um pais.

O conceito contemporâneo de PIB e PNB engloba dizer que O PIB (Produto Interno Bruto) representa o desempenho económico de um país, durante o período de um ano. É a soma anual de todas as actividades produtivas (bens e serviços) realizadas dentro do país, independente da nacionalidade das empresas e das remessas de lucros feitas por elas ao exterior. Não são contabilizadas as rendas obtidas em actividades externas por empresas que actuam fora das fronteiras nacionais, nem as rendas e salários de pessoas que trabalham no exterior.

 E ao passo que o PNB (Produto Nacional Bruto) é a soma de bens e serviços finais produzidos pelos nacionais no país e no estrangeiro num dado período de tempo, normalmente um ano. Inclui remessas de emigrantes e exclui aquilo que os estrangeiros produzem nesse país. Importa dizer que o critério para o apuramento do PNB é a nacionalidade, ao contrário do PIB em que o território é que é determinante para o apuramento.

Fonte: acores.com   2008-12-13

 

 

 Analise Gráfica do Crescimento Económico e da Distribuição da Renda Nacional

 

 

Ano

 

PIB (Kz)

 

PNB (Kz)

Percapta

 

PIB

PNB

2002

4.476.250

176.250

0,39

0

2003

6.070.900

299.400

0,51

0

2004

6.639.900

389.900

0,52

0

2005

10.356.450

431.450

0,79

0

2006

33.260.900

410.900

2,37

0

 

PNB (02 - 06)

 
 
   

PIB (02 - 06)

 

ANO

 

PIB /PNB

 

 

2002

 

2003

 

2004

 

2005

 

2006

 

389.900

 

299.400

 

176.250

 

10.356.459

 

6.639.900

 

6.070.900

 

4.476.250

 

431.450

 

410.500

 

33.260.900

 

 

 

Qual foi o ano m que a economia registou o maior crescimento económico?

 

 Segundo a nossa tabela e o gráfico o ano em que a economia registou maior crescimento económico foi o ano de 2006 com uma receita total de PIB 33.260.900 Kz equivalente a 221% e um PIB Percapta de 2,37 houve um crescimento de mais 166% em relação o ano de 2005, porque a forma mais clássica e tradicional de se medir o crescimento económico de um país é medir o crescimento de seu Produto Interno Bruto - PIB. Assim sendo, foi neste ano que o pais teve um aumento significativo de 14.000.000 de habitantes, em relação ao outros anos o que originou um maior consumo dos produtos e acredito que uma maior oferta da mão de obra na produção, adquiriu-se também uma melhor receita nos cofres, penso eu que também foi fruto das politicas usadas dado o facto de que com os dados dos anos anterior que originaram as mudanças politicas, pode se dar o caso de que havia uma estabilidade económica e financeira aceitável, mais exportação, mais investimento, melhor relacionamento com outras economias, etc.

Pode-se entender essa relação matemática de forma intuitiva: é só com o aumento da capacidade produtiva (mais fábricas, mais geração de energia, mais empregos) que se consegue obter um aumento sustentável na renda de um país.

Quando a capacidade produtiva de um país está sendo sub utilizada, pode-se obter – mediante medidas governamentais de estímulo – por curtos períodos de tempo, um crescimento causado por uma melhor utilização da capacidade produtiva já existente. Mas esse crescimento de curto prazo, não se sustenta se não for acompanhado, simultaneamente, por novos investimentos na produção.

         Valor absoluto e taxa de elevação do PIB são referenciais importantes de desempenho económico, mas não servem para medir o nível de desenvolvimento do país. Embora o crescimento económico seja a base necessária à melhoria da qualidade de vida da população, não é condição suficiente, Porque o desenvolvimento está associado à forma como os frutos do crescimento são distribuídos socialmente e aos impactos positivos que manifestam na sociedade e no ambiente.

É importante realçar que apesar de ser um ano com o maior crescimento económico, deve-se saber que também teve uma baixa significativa do PNB (Produto Nacional Bruto) 4,7%, menos 5,9% em relação ao ano de 2005, porque o rendimento obtidos das empresas estrangeiro foi eleva, que implica que a receita adquirida foram enviadas no exterior, embora que tenhamos um crescimento económico aceitável faz com que a subtracção do rendimento estrangeiro, altera-se no resultado baixo da renda nacional.

 

 Qual foi o ano em que a economia registou o pior crescimento económico?

 

Segundo a nossa tabela e o gráfico o ano em que a economia registou o pior crescimento económico foi o ano de 2003 a 2004 com um crescimento de apenas 9%, em relação o ano de 2002 a 2003 que teve um crescimento de 35%, houve uma queda significativa de aproximadamente 26% do PIB (35 – 9 = 26%), porque não teve um número da população aceitável, que fez com que houvesse menor consumo e consequentemente a menor oferta de mão de obra, deu-se também o caso do que as politicas macroeconómicas do pais não se fez sentir, não notou-se estabilidade monetária muito menos a financeira, poucas trocas comerciais, elevada taxa de juros que provocou que os investidores deixassem de investir muito com o medo de pagar ou deixar o seu lucro.

         Ainda pode-se dar também muita importação e pouca exportação que afectou na balança de pagamento, porque a mesma mede as transacções económica de uma economia com as outras ou ainda o mal investimento em infra-estrutura pública, o não investimento em capital humano : quer na Promoção da educação, quer a nível do ensino tradicional, quer através da promoção de programas específicos de formação profissional, ou se não promover mais e melhores cuidados de saúde preventivos, para assegurar o aumento da assiduidade ao trabalho, ou ainda criar condições, para reter o capital humano existente, evitando a fuga de quadros qualificados, para outros países. E na falta destes todos factores que influenciam o crescimento económico (PIB) é que com que haja pouca percentagem do PIB.

         É importante saber que apesar do PIB apresentar uma queda muito alta com diferença de 26%, o mesmo alterou no PNB com uma diferença de 39,8 que acredito eu que é muita diferença que deixa de influenciar no crescimento económico mais uma vez a o monstro da muita importação e a pouca exportação nos variados anos da economia do pais, haverá perdas significativa na PNB devido as constantes subtracção da receita dos estrangeiros.

Qual foi o ano que a economia registou maior PNB, Porque?

 

 

Segundo a nossa tabela e o gráfico o ano em que a economia registou o melhor PNB foi o ano de foi o ano de 2005 com uma receita de 431.450 o mais alto em comparação aos outros anos atingiu também um crescimento de 10,6% que foi o ponto mais alto do gráfico, acredito que deu-se este acréscimo, porque obteve-se maior quantidades de importação e menor preço nos produtos estrangeiros, em relação aos outros anos (2002, 2003, 2004) que teve menor quantidade e maior preço, dado este fenómeno originou um valor aceitável no crescimento do PIB, que com a subtracção dos bens e serviços finais produzido pelos estrangeiros foi nos possível obter uma renda superior do PNB em relação aos outros anos, que implicou-me pensar que o PNB é maior quando os estrangeiros ponhem o produto a disposição e um preço baixo maior será o rendimento nacional.

De outra maneira é importante realçar que o critério para o apuramento do PNB é a nacionalidade, as constantes variações do PNB reflectem o nível e o crescimento da produção e o nível da Economia. As flutuações do PNB são designadas por ciclos económicos. O PNB designa-se por potencial quando representa a capacidade produtiva a longo prazo de uma Economia, ou seja o máximo que ela pode produzir, no nosso pais o PNB é menor do que o PIB porque uma parcela do PIB não é usufruída nacionais e sim enviada ao exterior na forma de lucros, dividendos e juros do capital estrangeiro. Assim, a renda interna bruta é de facto menor do que PIB.

Ao contrário acontece nos outros países, em que o PNB é maior do que PIB porque as rendas obtidas pelas empresas no exterior e enviadas aos pais de origem na forma de remessa de lucros e dividendos, são consideradas parte do PNB da economia externa. Portanto: O PIB, descontado dessa renda enviada ao exterior, ou somado à renda recebida do exterior é chamado PNB. O conceito de PNB, por esse motivo, está mais próximo ao conceito de Renda Nacional. O Produto Nacional Bruto, descontadas as perdas por depreciação, é exactamente igual à Renda Nacional Líquida. Assim temos:

 

 

PIB - Renda enviada ao exterior + Renda recebida do exterior = PNB

PNB - Depreciação = Produto Nacional Líquido = Renda Nacional Liquida.
Renda Nacional Líquida/População = renda per capita.

 

Fonte: acores.com   2008-12-13

 

 

 Qual foi o ano em que tivemos o pior PNB e porque?

 

 Segundo a nossa tabela e o gráfico o ano em que a economia registou o pior PNB foi o ano de foi o ano de 2006 com uma receita de 410.900, atingiu um decrescimento de – 4,7% o mais baixo em relação aos outros ano, aqui deu-se o caso de que houve muitas quantidades importadas e com os preços altos que originou um PIB muito elevado e um PNB baixo

 

 

 

Conclusão

 

Desta forma afirmo que o PIB e o PNB são os medidores de uma economia saudável visto que são eles que provocam as politicas macroeconómicas, o bem-estar de uma sociedade. Todo país, seja subdesenvolvido ou desenvolvido, possui uma população economicamente activa, essa parcela do contingente populacional representa todas as pessoas que trabalham ou que estão procurando emprego, são essas que produzem para o país e que integram o sistema produtivo. A população de idade activa é dividia em: população economicamente activa e a não – economicamente activa ou mesmo inactiva.

A partir do conhecimento dos factores que determinam o crescimento económico, o sector público pode levar a cabo políticas que estimulem o processo de crescimento económico, designadas por políticas estruturais.

 

1. Promoção de um nível de poupança apropriado – fixar um défice orçamental público adequado e introduzir incentivos à poupança ou ao consumo privado.

2. Formação de capital humano – promover o ensino e formação profissional, a saúde pública, e reter o capital humano existente (evitar a chamada “fuga de cérebros”).

3. Apoio à inovação e difusão tecnológica – incentivar a investigação e

desenvolvimento, a inovação, a criação de redes empresariais e a divulgação da informação.

4. Investimento em infra-estruturas públicas – construir escolas, hospitais e estradas, e fornecer bens públicos que contribuam para a competitividade das empresas ou que reduzam os seus custos.

 

 

 Bibliografia

 

 ü  Caderno de Economia

ü  Fonte: www.acores.com   2008-12-13

 

4- Qual foi o ano em que tivemos o pior Produto Nacional Bruto e Porque?

 

O ano em que a economia registou pior Produto Nacional Bruto foi no ano de 2006 em eu obteve um valor negativo de 4,7% do produto nacional bruto.

Este ano foi o mais fraco pelo facto de que não se consegui manter as políticas que tanto contribuiu para termos o produto nacional bruto que tivemos no ano de 2002.

Estiveram na base do fracasso do produto nacional bruto as mudanças que ocorreram no mesmo. As mudanças de valores para o produto nacional bruto são o resultado de mudanças em preço e ou quantidade.

 O produto nacional bruto é a medida da actividade económica, que inclui roupas, serviços, médicos, etc. O PNB é o garante do bem estar geral de uma nação, mais o mesmo depende basicamente da quantidade de recursos disponível, e da eficiência na utilização desses recursos na produção de bens e serviços.

 O que quer dizer que em 2006 houve pouca quantidade de recursos disponível para o produto nacional bruto, isto porque quanto menor a quantidade de recursos disponíveis, menor será a eficiência na utilização dos mesmos, menor será o Produto Nacional gerado, e, consequentemente, menor será o nível de bem-estar geral da nação, já que menor serão o conjunto de opções oferecidas aos consumidores, no atendimento de suas necessidades.

Outro problema também que originou o declínio no produto nacional bruto em 2006 fora as políticas macro económicas do governo uma vez que estas funcionam como o principal factor que determina ou não o crescimento económico de uma nação, e no ano de 2006 houve crescimento da população nem sempre quando houver crescimento na população condicionaria crescimento do produto nacional bruto.

O que quer dizer que em 2006 ouve crescimento da população só que as politicas macros económicas não foram bem definidas o que passou a ter muitas pessoas a procura de emprego e havia poucas ofertas e quando isto acontece os problemas normalmente são estes, baixos rendimentos no produto nacional bruto.

 

 



 


Votação
Faz aqui a sua votação Sobre o Site.
O que achou do Site?
O que falta no Site?
O site esta bom
O site esta muito bom
O site esta + ou -
O site esta mal
O site esta muito mal
O site tem tudo de bom
Ver Resultados

Rating: 2.8/5 (410 votos)




ONLINE
1




Partilhe este Site...

 

 



Crie aqui o seu Site Grátis! Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net